Seleção FC

Início » Posts etiquetados como 'Uruguai'

Arquivo da tag: Uruguai

Qual o grupo mais forte da Copa?

Com o sorteio dos grupos muitas pessoas rabiscam tabelas e fazem suas próprias simulações para tentar prever o caminho das seleções na Copa do Mudo. É inevitável também uma comparação entre os grupos. Qual o mais forte? Qual o mais fraco? São questões muito subjetivas.

Pelo lado histórico, o grupo composto por Uruguai, Itália, Inglaterra e Costa Rica é disparado o mais forte. As três das quatro seleções juntas somam sete títulos mundiais (Itália, com quatro, Uruguai, com dois, Inglaterra um).  Pela técnica, o grupo composto por Espanha, Holanda, Chile e Austrália poderia ser considerado um dos mais fortes. Teremos nesse grupo o reencontro dos finalistas da última edição do torneio.

Banners da Seleção Alemã na última Copa do Mundo

Banners da Seleção Alemã na última Copa do Mundo

Entretanto, não podemos esquecer o grupo G composto por Alemanha, Gana, EUA e Portugal. É provavelmente o grupo mais equilibrado. Alemanha é tricampeã e sua equipe é uma das melhores do futebol europeu. Gana e Estados Unidos são considerados por muitos os melhores de suas confederações. Portugal tem o melhor jogador do mundo na atualidade.

Este grupo tem mais um agravante. Cinco de seis partidas da primeira fase serão jogadas no calor do Nordeste. Ou seja, quem se adaptar melhor ao clima vai se dar bem. Na teoria, Gana sairia na frente por ser um país tropical, mas seus jogadores estão todos atuando em clubes europeus.

Segundo a Pluri Consultoria, o Grupo G é o mais valioso da Copa do Mundo. Somando os valores de mercado dos prováveis convocados de cada uma das seleções, o grupo G obteve um valor de R$ 2,823 bilhões. O segundo seria o grupo do Brasil, A, com R$ 2,609 bi.

Todos esses fatores somados fazem com que o Grupo da Alemanha provavelmente seja o grupo da morte. O mais difícil do torneio e aquele que terá mais emoção em cada uma das partidas dessa primeira fase. Mas na prática, todos os jogos serão emocionantes e ansiosamente esperados.

photo credit: mbeo via photopin cc

O Fantasma de 50 já está no Brasil

El Fantasma del 50 ya está en Brasil.

A Puma, patrocinadora da Seleção Uruguaia de Futebol, divulgou um vídeo genial após a classificações dos bicampeões mundiais para a Copa do Mundo de 2014.  O tema explorado não poderia ser outro, as lembranças da conquista uruguaia na Copa de 1950. 

Veja:

 

Em 1950, a campanha do Uruguai foi iniciada no grupo 4 com a presença de Índia e Bolívia. A Índia desistiu de ir à Copa e para passar e fase o Uruguai aplicou uma sonora goleada de 8 a 0 sobre os sul-americanos.

No quadrangular final, empatou com a Espanha e venceu a Suécia. Enquanto isso, o Brasil aplicou goleadas de 6 a 1 sobre a Espanha e 7 a 1 sobre a Suécia. Com duas vitórias a seleção canarinho precisava apenas de um empate para garantir seu primeiro título mundial. O que não aconteceu.

Após iniciar  jogo vencendo, o Brasil sofreu a virada e viu o Uruguai conquistar o bicampeonato da Copa do Mundo, no Maracanã. Diz a lenda que o presidente da FiFA na época, Jules Rimet, estava na tribuna do Maracanã assistindo a partida e que enquanto saia de seu local para ir ao campo entregar o troféu de campeão ao Brasil. foi o tempo de o Uruguai virar o jogo e ficar com a taça, para surpresa do dirigente francês.É considerada pela maioria como a pior derrota brasileira em todos os tempos.

 

 

Jordânia e Uruguai: duelo de semelhanças

A Seleção Jordaniana de Futebol poderá ser uma das estreantes em Copas do Mundo. Uruguai poderá participar novamente de outra edição do torneio. A tarefa será difícil para as duas. A repescagem mundial acontece nos dias 13/14 e 20 de novembro. Mais do que vencer o Uruguai, os jordanianos querem provar a evolução vivida no futebol local e fazer história. Mais do que vencer a Jordânia, o Uruguai quer provar que tem uma seleção forte como em 2010.

Garoto torce por vitória do Uruguai nas Eliminatórias da Copa (Foto: http://www.flickr.com/photos/jikatu/5971695285/)

Garoto torce por vitória do Uruguai nas Eliminatórias da Copa (Foto: http://www.flickr.com/photos/jikatu/5971695285/)

Um dado comum entre as duas é o fator casa. Tanto Uruguai quanto Jordânia apresentaram um forte futebol jogando em seus domínios, mas foram mal jogando como visitantes. Os asiáticos perderam apenas para o Iraque jogando em casa e venceram as favoritas Austrália e Japão. Já fora de casa, cinco derrotas e duas delas de goleada para Austrália (4×0) e Japão (6×0).

Os bicampeões mundiais tiveram uma campanha pífia fora de casa. Em oito jogos foram cinco derrotas, um empate e duas vitórias. Foram três goleadas: Argentina (3×0), Bolívia(4×1) e Colômbia (4×0). Nas partidas em casa, os números mudam de figura. Nos mesmos oito jogos foram cinco vitórias e três empates.

Jordânia foi goleada pela Austrália jogando fora de casa (Foto: http://www.flickr.com/photos/nazgulhead/9635372402/)

Jordânia foi goleada pela Austrália jogando fora de casa (Foto: http://www.flickr.com/photos/nazgulhead/9635372402/)

Se as duas seleções mantiverem o mesmo histórico, quem fizer mais gols em casa e tomar menos gols fora, leva a vaga para a Copa 2014.

Veja os números das duas seleções nas eliminatórias:

Uruguai

Seleção Uruguaia na Copa do Mundo 2010 (Foto: http://www.flickr.com/photos/articularnos/4727459890)

Seleção Uruguaia na Copa do Mundo 2010 (Foto: http://www.flickr.com/photos/articularnos/4727459890)

16 jogos
7 vitórias
4 empates
5 derrotas

8 jogos em casa: 5 vitórias e 3 empates
8 jogos fora: 2 vitórias, 1 empate e 5 derrotas

gols marcados em casa: 20
gols sofridos em casa: 10

gols marcados fora de casa: 5
gols sofridos fora de casa: 16

Jordânia

Estádio Internacional de Amã recebeu a visita do Papa Bento 16 (Foto: http://www.flickr.com/photos/h2onews/3528705884/)

Estádio Internacional de Amã recebeu a visita do Papa Bento 16 (Foto: http://www.flickr.com/photos/h2onews/3528705884/)

18 jogos

8 vitórias
4 empates
6 derrotas

9 jogos em casa: 6 vitórias, 2 empates e 1 derrota
9 jogos fora: 2 vitórias, 2 empates e 5 derrotas

gols marcados em casa: 21
gols sofridos em casa: 8

gols marcados fora de casa: 9
gols sofridos fora de casa: 18

Repare que os números são muito parecidos e demonstram um equilíbrio de campanhas. Claro, não existe parâmetro em relação aos adversários, que na Ásia são tecnicamente mais fracos, mas quando a análise é feita em relação aos jogos em casa e fora, pode-se observar que a semelhança existe e deverá ser o grande trunfo das duas seleções.

1942 e 1946 – As copas que não existiram. Quem venceria?

Quais seleções venceriam as copas de 1942 e 1946?

Transferimos este texto para o link: http://valendoesportes.com.br/1942-e-1946-quais-selecoes-venceriam-as-copas-do-mundo-que-nao-existiram/

Acesse!